terça-feira, 25 de outubro de 2011

c'est PUTAIN de vie


Tudo começou nesse último sábado, quando eu e a Glê fomos ao Boticário. Eu estava lá pra comprar um presente pra minha irmã e experimentei alguns perfumes. Um deles, foi o famoso Ma Chérie. Eu já tinha ouvido falar muito dele. Inclusive, há uns dias, acessei um blog onde as visitantes contavam o quanto amavam e usaram este perfume na adolescência. A própria Glê tem um. Já eu, nunca tinha chegado perto. Pelo menos era o que achava... Passei no braço, cheirei logo em seguida e detestei. No final, comprei um Floratta Ruby pra minha irmã e a Glê, um Cofee pra ela (e um outro, pra um bofe, mas não lembro qual).
Mãããs.. a caminho de casa, senti um cheiro muito familiar no meu braço. Percebi que passado um tempo, o Ma Chérie estava diferente do que senti na loja. Estava bom, muito bom. E o estranho é isso, me parecia muito familiar e cheiro antigo. Tipo, algo que minha professora do pré usava enquanto me pedia pra parar de desenhar passarinho pro's outros.
No outro dia eu fui a outra loja do Boticário e comprei. 
Ok.
Primeiro drama: eu chego em casa e o vidro esta quase pela metade. Voltei pra lá PUhuhuhuhuhuUTA e o carinha me disse que vinha aquela quantidade mesmo. Eu então, gentilmente solicitei que ele abrisse embalagem por embalagem e me mostrasse os outros, pra eu poder checar tal informação. É claro que na primeira que ele abriu, já teve que fazer a troca.
Ainda pedi para que não fossem caras de pau de colocar o perfume que devolvi, de novo na caixa, para tentar vender outra vez, até encontrar alguma cagona que finalmente ficasse com ele.
Desculpa, mas não importa se eu tô em Paris, comprando um J'adore, com o espírito do Dior, ou se tô no Brasil, comprando Ma Chérie, com um atendente qualquer, eu quero aquilo que paguei, porra.
Bem, vamos para o segundo drama: as notas do perfume!
Ma Chérie possui uma fragrância que se mostra leve e alegre logo nas primeiras notas de lavanda combinadas ao frescor natural das flores e o espaço do campo e ao fundo almiscarado.
Família Olfativa: Lavanda, Floral, Musk.
Musk, huh?
Almiscar?
Hmmm... já pararam pra pesquisar do que se trata?
Como toda chata, eu parei. Aí vai...
Provém de veados macho de espécies que se encontram apenas no Nepal e Mongólia e a sua colheita só pode ser feita se se matar o veado e em determinadas épocas do ano. O musk/almíscar é na verdade uma secreção das glândulas sexuais do veado que surge apenas na época do acasalamento. O principal composto químico é uma cetona chamada muscona.
Sim,tô usando feromônio de veado. 
E se por um lado penso que isso pode ser apenas o que "dizem" que há na composição, já que o produto é barato demais para tanto "luxo", por outro só consigo pensar que nunca mais vou comprar perfume com esses componentes. 
Não como carne pra sair por aí com esse tipo de porra (quase literalmente falando)?

Não é por nada não, mas tinha que haver mais exposição/informação sobre esse assunto.

4 comentários:

Anônimo disse...

Sensacional esse comentario eu usei muito este perfume antes de descobrir q era alergica!!!!! Lulux

Myself disse...

ahuehauehauehauehauheaheuahue eu gosto do cheiro! =P

Não sabia que você tinha voltado lá e comprado e PQP essas porras só acontecem com você e como nazuzazinha é barraqueira ela volta na loja e reclama seus direitos. Quando crescer quero ser igual a você! =P

O meu é maravilhoso, apesar de não sentir direito o cheiro. E o perfume do meu bofe era o dimitri! =P


Você usou o lapis labial?! Eu usei o meu dos olhos e amei, MUITO BOM!
E quero esse florata rubby! Timais!


Mas eai no fim, gostou ou não gostou do ma chérie?!

Nathalia Lambert disse...

Lulu, até tu? ;)

Não é a tôa que o cheiro é tão familiar, devo ter conhecido várias pessoas que usaram....

Glê, eu amei o cheiro, mas embora eu sinta o perfume em mim, NINGUÉM mais sente. Nadica de nada. Do que vale então?

Anônimo disse...

UAHSAUSHAUHSAUSHAUSHAU ' Olha, amei, muito engraçado. Espero ver mais posts desses. O mais engraçado deve ter sido sua cara quando descobriu que tava usando ... de veado. Hahaha, até mais!!!